domingo, 13 de julho de 2008

Fumante passiva.

Quando acho que encontro luz nos olhos,
como busco nos meus,
sou tomada de salto
e desmaio,
sem fibrilações.

O meu lema,
e o do sol,
parecem se perder em meio a poluições,
cigarros de uma época,
de todas as épocas.

É tão complicado não fumar.

2 comentários:

Júlia disse...

fico triste lendo essas coisas e percebendo que perdi o seu caminho.

as cabeças parecem cada vez mais distantes, mas eu, ó, continuo do mesmo jeitinho me lamentando das coisas e fazendo de proposito pra ouvir voce falando que 'não é assim,ju'

lalai disse...

vcs tão brincando de internas é? deixe está... ;D
acho que eu tb perdi o seu caminho. :P hahaha...brincadeira.
beijo amor.