quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Imagem Vermelha.

Quer saber o que fazer?

Faça elas queimarem feito fogo que são.
E depois escreva com suas cinzas em meu corpo.

Torna-se real e macabro,
deslumbante e surreal.

Escrito no escrito.

2 comentários:

bilis disse...

Muito bonito esse.
O legal de sua poesia que tenho achado n eh nem a totalidade de cada poema, mas algumas imagens impactantes que saltam deles.

Drummond também é assim, mas n encare isso como uma comparação.

São poéticas bem diferentes.

lalai disse...

que bom que estás de volta e inteira. dama das cartas. ;)